A pandemia provocada pelo coronavírus já atingiu mais de 390 mil pessoas, em todos os países do mundo e provocou mais de 17.100 mil mortes, isto é terrível.

Ainda, ficar em casa isoladx socialmente e com acesso a tanta informação tem deixado as pessoas ansiosas e com uma sensação péssima, de que tudo está de mal a pior.

Diante de toda essa tristeza, me esforço para encontrar algo de bom e positivo e de fato, existe muita coisa boa acontecendo, como:

Eistein começa ensaio com hidroxicloroquina

No dia 23/3, um grupo de hospitais liderados pelo Hospital Albert Eisntein começaram um ensaio clínico para testar a eficácia da hidroxicloroquina, o medicamente que tem sido apontado como potencial tratamento para o coronavírus. Também, neste ensaio, serão testados medicamentos alternativos como potencial promissor.

Remédio japonês Avigan tem efeito positivo

Na China, testes preliminares em 80 pacientes com remédio Japonês chamado Avigan resultaram em melhora mais rápida e eliminaram o vírus do organismo, informou a agência de notícias Reuters.

Até momento, entende-se que o remédio em questão atrapalha o processo de cópia do RNA, molécula ‘prima’ do DNA que serve de material genético para muitos vírus, como o novo coronavírus ou Sars-CoV-2.

Ao impedir que esse vírus produza novas cópias de seu genoma, o remédio seria capaz de barrar sua reprodução viral em células humanas.

Cientistas descobrem como o corpo combate a Covid-19

Recentemente, cientistas Australianos, como a professora Katherine Kedzierska da Universidade de Melbourne, descobriram como o nosso sistema imunológico combate o coronavírus, que é essencial para o desenvolvimento de uma vacina.

Isto também nos mostra que o nosso corpo é capaz de de combater efetivamente o vírus!

Chinesa e Iraniana, ambas de 103 anos se curaram

Uma mulher de 103 anos, chamada Zhang Guangfen ficou em tratamento por 6 dias em um hospital de Wuhan, na China, e foi curada. Poucos dias depois, tivemos outra boa notícia de que uma Iraniana com a mesma idade, da cidade de Semnan (180 km ao leste de Teerã) também foi completamente curada.

Temos conhecimento do vírus

O novo coronavírus foi mapeado e sabemos exatamente quem é! O seu genoma estava disponível 10 dias após vir ao conhecimento dos seres humanos, que pertence ao Grupo 2B, da mesma família que a Sars. Está relacionado ao coronavírus de morcegos e tem origem natural recente.

Podemos detectá-lo

Um teste de RT-PCR pode detectar o vírus e ainda, está sendo aperfeiçoado a cada dia que passa, tornando mais sensível e rápido.

81% dos casos são leves

Em 14%, pode causar pneumonia grave e em 5% pode se tornar crítica ou letal. Atualmente, temos mais de 101 mil pessoas recuperadas!

Cura

A cada dia que passa surgem novas descobertas que nos levam a compreensão do coronavírus, permitindo que uma cura seja desenvolvida. Já existem vacinas em testes nos Estados Unidos, China e Canadá. Inclusive no Brasil, uma vacina também está sendo desenvolvida por pesquisadores do Laboratório de Imunologia do Incor.

Queda na Poluição

Imagens de satélite da NASA mostram que as emissões de dióxido de carbono da China caíram 25%, desde fevereiro, motivadas pela redução da atividade econômica. A Itália sentiu um efeito parecido no Vale do Pó, acompanhada por águas mais cristalinas em Veneza, como há muito tempo não se via, devido ao intenso fluxo de turistas.

Por isto queremos passar uma mensagem de luz, que nunca devemos deixar de acreditar, sempre otimistas, cuidando e preservando do próximo como se fosse nós mesmos.

Temos uma Fé inabalável de que, com união, vamos superar esta fase, venceremos este vírus e seguiremos com a vida, mas sem deixar de aprender as lições impostas a nós, para uma vida em equilíbrio e harmonia. Fiquem bem, fiquem em lugares seguros!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *